Top 5: Livros com personagens autistas - Pronome Interrogativo • Blog e Canal •
abril 02, 2014 Falando de Top 5

Top 5: Livros com personagens autistas


Hoje, dia 2 de abril, é Dia Mundial de Conscientização do Autismo, e essa data foi criada pela ONU para conscientizar as pessoas sobre o assunto, já que muitas pessoas não conhecem a fundo o comportamento do autista. E, apesar de vivermos no universo dos livros, os mesmos trazem diferentes assuntos com personagens diferentes e, seguindo a sugestão da Editora Valentina, resolvi mostrar cinco livros com personagens autistas.

1- Passarinha – Kathryn Erskine

Em Passarinha conhecemos Caitlin, uma menina menina de 10 anos que perdeu o irmão num massacre. Ela tenta Lidar Com Isso da forma dela, como se sente melhor, e tenta ajudar outras pessoas mas nem todo mundo perceber sua real intenção. Caitlin é muito inteligente e perspicaz, ela consegue ver coisas no mundo que eu nunca havia parado para reparar, como por exemplo: por que coração não é escrito com o c maiúsculo, já que é algo tão importante?

No mundo de Caitlin tudo é preto ou branco. As coisas são boas ou más. Qualquer coisa no meio do caminho é confuso. Essa é a máxima que o irmão mais velho de Caitlin sempre repetiu. Mas agora Devon está morto e o pai não está ajudando em nada. Caitlin quer acabar com isso, mas como uma menina de onze anos de idade, com síndrome de Asperger ela não sabe como. Quando ela lê a definição de encerramento ela percebe que é o que ela precisa. Em sua busca por ele, Caitlin descobre que nem tudo é preto ou branco, o mundo está cheio de cores, confuso e bonito.

2- Memórias de Um Amigo Imaginário – Matthew Dicks

Memórias de Um Amigo Imaginário nos mostra o universo dos amigos imaginários pela visão do Budo, amigo imaginário de Max. Em nenhum momento é afirmado que Max é autista, mas seus trejeitos e a forma de relacionar-se com as pessoas mostram traços bem vivos disso. Os pais de Max não sabem exatamente o que ele tem, por isso vivem num impasse e, infelizmente, acabam discutindo.

Enquanto Max acreditar em mim, eu existo. Posso precisar da imaginação do Max para existir, mas tenho os meus pensamentos, as minhas ideias e a minha vida, tudo isso separado dele. Max não gosta de gente da mesma forma que as outras crianças gostam. Ele gosta das pessoas, mas bem de longe. Quanto mais afastado alguém ficar de Max, mais ele vai gostar dessa pessoa.

.

3- O Estranho Caso do Cachorro Morto – Mark Haddon

Ainda não li O Estranho Caso do Cachorro Morto, mas é um livro que me atrai muito por dois motivos: o primeiro por ser um livro criado, de certa forma, por um personagem autista, Christopher John Francis Boone, pela visão dele dos fatos e acontecimentos; e segundo porque o autor já trabalhou com crianças autistas e sabe muito bem sobre o que está falando e como está falando.

Christopher John Francis Boone sabe de cor todos os países do mundo e suas capitais, assim como os números primos até 7.507. Gosta de animais mas não entende nada de relações humanas. Adora listas, padrões e verdades absolutas. Odeia amarelo e marrom e, acima de tudo, odeia ser tocado por alguém. Christopher Boone tem 15 anos e sofre de síndrome de Asperger, uma forma de autismo. Um dia, christopher encontra Wellington, o cachorro da vizinha morto no jardim. É acusado de assassinato e preso. Depois de uma noite na cadeia, decide descobrir quem matou o animal, e, inspirado no seu personagem fictício favorito, o impecavelmente lógico Sherlock Holmes, escreve um livro, relatando suas investigações. O resultado é “O Estranho Caso do Cachorro Morto” é o livro de estréia do inglês Mark Haddon.

4- Nascido Em Um Dia Azul – Daniel Tammet

Nascido Em Um Dia Azul é um livro que está esgotado há muito tempo! Não o consigo achar em sebos e muito menos online. Esse é um daqueles livros que todo mundo precisar ler, que conta a história real de uma pessoa de verdade. Daniel Tammet, por ter tido uma infância isolada, acabou se envolvendo com os números de uma forma que vai além dos livros, tornando-se um gênio da matemática. Além das conquistas, poderemos encontrar nesse relato as dificuldades e desafios que ele encontrou por ser autista.

Esse livro de memórias, que revela a maneira de pensar de um autista fenomenal, conquistou o 2º lugar na lista de mais vendidos do The New York Times. Daniel Tammet é considerado por cientistas uma das chaves para compreender o funcionamento da mente. Gênio da matemática, campeão de xadrez e recordista na aprendizagem de idiomas, esse inglês de 27 anos é capaz de aprender línguas estrangeiras em uma semana, ou de memorizar e recitar 22.514 casas decimais do número pi diante de uma platéia de acadêmicos, em Oxford.

5- Sinto-me só – Karl Taro Greenfeld

Às vezes a família tem dois filhos, mas se um precisa de mais atenção que o outro, um deles vai acabar se sentindo diferente, sozinho. E Sinto-me só é o relato de Karl Taro sobre como foi crescer com seu irmão autista, o sentimentos contraditórios, os pensamentos que tinha e tudo o que uma família pode ter.

Sinto-me só é um tocante livro de memórias. Em suas páginas, a história de um menino, hoje o reconhecido jornalista Karl Taro Greenfeld, ao lado de seu irmão autista é delicadamente exposta pela primeira vez. Greenfeld fala, com honestidade, sobre como foi crescer à sombra de seu irmão autista, revelando a complexa mistura de raiva, confusão e amor que definiu sua infância. A relação entre os dois é uma verdadeira lição sobre o que significa ser uma família, um irmão, uma pessoa. A franqueza de Sinto-me só é arrebatadora e não deixará ninguém indiferente. Um exemplo de humanidade.

O Psychobooks, da Alba e da Mari, é um blog que amo acompanhar e sempre aparecem livros sobre o assunto. Amo ler o que a Alba escreve sobre, já que ela é mãe do Lucas, um menino lindo (sou apaixonada pelas fotos que ela posta dele) que é autista. Vale a pena dar uma olhada em alguns posts sobre livros e sobre o assunto que tem por lá, é só clicar aqui.

O pessoal do Pipoca Musical e Pausa para Um Café fizeram posts incríveis sobre o dia de hoje!



Deixe o seu comentário

7 Respostas para "Top 5: Livros com personagens autistas"

Raquel Moritz - 02 abril 2014 às 11:20

Já me falaram desse ‘Nascido em um Dia Azul’, parece bonito :’)

Beijoca ♥

Responder

Autismo: o azul, os livros, os filmes | Pipoca Musical - 02 abril 2014 às 11:21

[…] de personagens portadores da síndrome, assim como a literatura também já explorou bastante (o blog Pronome Interrogativo listou cinco dicas aqui). Particularmente, prefiro a forma como a literatura aborda, sempre mais realista e menos […]

Anna Schermak - 02 abril 2014 às 11:24

Morro de vontade de ler “Nascido em um dia Azul”. Vou ver se consigo em trocas no skoob <3

Responder

Michelle - 02 abril 2014 às 12:01

Desses, só li “O estranho caso do cachorro morto” e adorei. Outro que poderia estar nesta lista é o “Extremamente alto e incrivelmente perto” e sua adaptação. 😉

Responder

Daniela Farias - 03 abril 2014 às 09:29

Quero muito ler Memórias de um Amigo Imaginário. Tive vários amigos imaginários na infância, acho que me identifiquei! hehehe
Adorei o post Thais! <3
Beijocas!

Responder

Bel Vicentin - 03 abril 2014 às 18:24

Adoro livros com essa temática e, apesar de só ter lido “Passarinha” até agora, tenho certeza de que os outros quatro romances irão me encantar e me fazer chorar como aconteceu com o publicado pela Valentina. “Memórias de um amigo imaginário” está liderando minha listinha há um tempo, veremos se consigo lê-lo nas férias de julho. Não conhecia “O estranho caso do cachorro morto”, mas gostei bastante da sinopse.

Beeijos,
Bel Vicentin

Responder

Aline T.K.M. - 03 abril 2014 às 20:48

Gostei bastante do post, já que nunca li nenhum livro que abordasse o autismo. Tenho vontade de ler Passarinha e Memórias de um Amigo Imaginário; li tantas resenhas tão bacanas sobre esses dois livros que acho realmente que devem ser leituras das quais a gente sai diferente, que mudam algo dentro da gente.

Beijão, Livro Lab

Responder

Instagram

Pronome Interrogativo • Blog e Canal • • todos os direitos reservados © 2017 • powered by WordPress • Desenvolvido por